quinta-feira, 14 de outubro de 2010

INDEPENDÊNCIA FEMININA

Tenho visto cada vez mais no meu círculo de amigas, que as mulheres estão a cada dia mais independentes.

Moram sozinhas, em seus próprios apartamentos, muitas delas não tem um relacionamento sério e nem querem saber disso.

O que as fizeram pensar assim? Podem existir vários fatores. Um relacionamento frustrante, a vontade de ter sua própria vida sem depender dos pais, necessidade, enfim, cada caso é um caso.

No meu, meus planos eram outros. Pensava até em casar. Mas enxerguei a  tempo, que aquele não era o momento certo.

Quando assinei o contrato de  compra do meu apartamento, mal podia acreditar que aquilo estava acontecendo. 

Lembro da primeira noite que dormi nele. Fiquei por horas deitada, pensando em tudo que já havia vivido e em tudo que estava acontecendo, parecia irreal.

Até hoje, quando estou a caminho de casa, fico pensando: meu lar, meu cantinho... é uma sensação maravilhosa.

E é isso que pensam as mulheres independentes que conheço. Nada como ter o nosso cantinho.

Mas isso também tem seu lado negativo. Normalmente em uma roda de amigas, a opinião é sempre a mesma: nossa independência assusta os homens. 

O fato de conhecer uma mulher nestas condições e  se ver ainda morando na casa dos pais, pode ser um pouco desconfortável.

Antigamente, dizíamos que os homens não queriam nada sério. Apenas curtir. Hoje em dia, ouvimos homens comentando que existem mulheres agindo assim. 

Ficam em uma festa, no outro dia não atendem o telefone(isso quando passam o número certo rsrsrs). Não querem se prender.

O que será que está acontecendo com as mulheres? Medo, insegurança ou simplesmente querem curtir a vida sem compromisso? Talvez um pouco de cada coisa.

O fato é que, devemos aproveitar a vida. Viver intensamente sem medo de ser feliz.

Aos homens, meu recado é: nada de medo da nossa independência! Sintam-se orgulhosos em saber que existem mulheres batalhadoras que a qualquer momento, podem cruzar em seus caminhos...

E às mulheres: parabéns àquelas que já conquistaram sua independência, as que ainda não, persistência e paciência, são o caminho...

“A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.”

5 comentários:

"Carol docE" disse...

Huuummmm, esse assunto deve ser lido diariamente pela ala masculina que, ainda, se arma quando uma mulher independente cai de paraquedas diante deles.

Ai ai pobres homens (risos)

Assim como a Kelly, escuto diversas vezes (opiniões de homens) que as mulheres estão cada vez mais desprendidas da opinião e a da sombra dos homens.

Será que isso tem um pouco a ver com a nossa sede de igualdade?
Pode ser...afinal de contas nós trabalhamos, ganhamos o nosso próprio, suado e merecido dinheiro, dirigimos, rachamos a conta do restaurante (só com as amigas, os cavalheiros que se cocem rsrs), trocamos lâmpadas queimadas, pintamos as paredes do nosso apê, cortamos a grama, iiiii nossa. Nem sei mais pra que os homens servem senão para carregar as nossas compras (gargalhadas).

A independência feminina assusta porque amadurecemos mais rápido, nos desprendemos do cordão umbilical e arregaçamos as mangas em busca do que queremos.
Passamos trabalho, mas seguimos sem parar no meio caminho.
O conforto da casa dos pais é muito bom, mas crescer é bem melhor.

Somos motivo de orgulho!!

Adorei o blog :)

João Francisco Viégas disse...

A verdade é que as coisas estão mudando tão rapidamente e os papeis não estão mais claros como antigamente, e isso de certa forma assusta sim!

Acho que estamos todos meio perdidos tentando se encontrar! Temos que ter paciencia, no final vai dar tudo certo!!

bjs!

H.Brayan disse...

Kelly,

Meu deus!
tenho dó dos homens que tentam entende-las rsrsrs
acredito que a vida teria menos graça se as mulheres fossem todas iguais aos homens...#medo rsrsr

enfim, grandes pensamentos!

abrço.

ps: poderia fazer uma visita a um amigo? obrigado.
http://electronleo.blogspot.com/

Mariléa... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mariléa... disse...

Eu sou uma dessas amigas independentes, aliás, faz tempo, tanto que foi isso que me levou a comprar também meu apto, cansei de ficar de um lado pro outro e pagando aluguéis caros; Hoje tenho meu cantinho e sinto muito orgulho de mim por isso, ja passei por muitas coisas nessa Vida até chegar onde cheguei.
Acho que as mulheres estão mais determinadas hoje em dia, antes elas se submetiam a ficar casadas pois dependiam de seus parceiros, e vamos combinar, pra que ficar ouvindo desaforos ou vivendo uma Vida infeliz se você que paga suas contas????
Acho que é isso, pelo menos eu sou assim, me desagrada e me mal trata pra ver só!!!! ahahahah

Bj
Kely